Portes grátis para Portugal (excepto envios à cobrança)
  • PLI arte + design — Produção

PLI arte + design — Produção

16,00 €  
IVA incluído

PLI arte + design — Produção
Nº 5, 2014

O n.º 5 da revista PLI arte & design, uma publicação da ESAD/Escola Superior de Artes e Design de Matosinhos, é dedicado ao tema Produção.

Numa obra seminal do início da década de 70, *The Coming of Post-Industrial Society?, Daniel Bell desenvolve a ideia de que nas sociedades ocidentais os fenómenos de crise remetem para uma rutura entre a cultura e a sociedade, para um confronto entre a produção cultural e as exigências do sistema económico e administrativo; este confronto refletir-se-ia, desde logo, na forma como o acontecimento artístico se infiltra na vida quotidiana e o seu espaço de produção se desloca do estúdio, da galeria ou do museu para espaços políticos ou administrativos. A arte e o design tornam-se assim, na expressão de Daniel Bell, numa adversary culture, ou seja num movimento crítico à regulação da vida quotidiana por valores económicos e financeiros.

No início da segunda metade dos anos 70, Jean Baudrillard declarou: "Estamos no fim da produção. Esta fórmula coincide, no Ocidente, com a enunciação da lei mercantil do valor, isto é, com o reino da economia política”. Baudrillard declarou igualmente o início da “crítica da economia política”, cuja referência é a produção social e o modo de produção.

O objeto do presente número da revista PLI é esta crítica da economia política, a forma que ela atualmente assume, os processos que a desenvolvem no campo da arte e do design contemporâneos.

. . .

Publicada pela ESAD/Escola Superior de Artes e Design e tendo em José Bártolo e Sérgio Afonso os autores do projeto editorial e os seus editores, a PLI foi, desde a sua génese, entendida como um projeto editorial capaz de articular uma publicação impressa, com edição regular mesmo que sem periodicidade definida, uma plataforma web associada e uma programação pontual de eventos ou situações ligadas a uma compreensão crítica da produção editorial em artes e design. O suporte digital permite, não apenas ampliar as funcionalidades editoriais, mas igualmente trabalhar conceitos orientadores da publicação, como sejam as ideias de participação, coautoria, rede, comunidade e codesign.

Produzida no contexto da ESAD, a revista não se circunscreve a um espaço impresso de ancoragem da produção de uma escola, antes reflete a consciência de uma escola superior de artes e design em estabelecer aberturas, dobras e ligações com o que faz a arte e o design na contemporaneidade. Uma escola de artes e design deve ser um laboratório – literalmente, um espaço onde se fazem experiências – mas, também, um espaço de mediação, e a mediação é um exercício crítico – pressupõe escolha e deliberação – tal como a edição.

O título da revista, PLI, evoca o conceito deleuziano de dobra, assumido enquanto metáfora e conceito operativo de um projeto que, criticamente, procura pensar e atuar sobre as identidades, ligações e cruzamentos entre saberes e fazeres artísticos e projetuais que moldam a contemporaneidade.


Edição
José Bártolo
Sérgio Afonso

Direção de Arte
Inês Nepomuceno

Assistentes de Edição
Ana Medeiros
Mafalda Martins

Assistente de Arte
Margarida Antunes

Web Design
Diogo Vilar
Hugo Branco
Pedro Pinto

Fotografia
Giovanni Chiaramonte
Orangerie
Park Sanssouci
Potsdam (guardas)
Vincenzo Colecchia

Tradução
Luís Coelho
Maria Gloria Pagliaro
Sara Vale

Colaboram neste número
Alessandro Mendini
Andrew Howard
Ellen Lupton
Enzo Mari
Fernanda D’Agostino
Francisco Laranjo
João Serra
Katja Tschimmel
Keti Chukhrov
Paolo Deganello
Siniša Savecic
Victor Margolin
Estudantes do 1º ano do Mestrado em Design de Comunicação 2013/2014 da ESAD

×