Portes grátis para Portugal (excepto envios à cobrança)
  • O Arenque Fumado
  • O Arenque Fumado

O Arenque Fumado

9,90 €  
IVA incluído

O ARENQUE FUMADO
Charles Cros + André da Loba

Escrito e publicado em 1872, primeiramente numa versão em prosa, aparece em verso na colectânea de textos de Cros “Le Coffret de Santal” em 1873. O sucesso deste poema, decorado e dito por gerações de franceses até aos nossos dias, tal como outros textos de Charles Cros, contribuem para o aparecimento do monologue fumiste, género muito divulgado pelo humorista Coquelin Cadet, que encoraja Cros e outros escritores a escrever novos textos que obedeçam a esta estrutura: texto cómico, curto, com uma só personagem e de ritmo rápido. Admirado por Edward Gorey, este terá sido um dos primeiros a ilustrar este texto traduzido para o inglês por Alphonse Allais. André Breton inclui este poema na histórica “Antologia do humor negro” onde, no texto de apresentação, ressalta “a proeza que resultou ao fazer rodar em vazio o moinho poético no Arenque Fumado”.

×