Portes grátis para Portugal (excepto envios à cobrança)
  • A Internacionalização das Comunidades Lusófonas e Ibero-Americanas de Ciências Sociais e Humanas

A Internacionalização das Comunidades Lusófonas e Ibero-Americanas de Ciências Sociais e Humanas

14,00 €  
IVA incluído

A Internacionalização das Comunidades Lusófonas e Ibero-Americanas de Ciências Sociais e Humanas
O Caso das Ciências da Comunicação

Moisés de Lemos Martins

O espaço lusófono e ibero-americano remete para uma diversidade de culturas e de comunidades, que se exprimem em duas línguas, a portuguesa e a espanhola, duas línguas que, por serem de culturas, pensamento e conhecimento, concorrem para a construção deste espaço transnacional e transcontinental, contrariando a visão de um mundo monocolor, globalizado, hegemonicamente falado em inglês.
As Ciências da Comunicação dos países lusófonos e ibero-americanos têm uma responsabilidade, ao mesmo tempo científica, estratégica, política e cívica, de concorrer para a construção da comunidade de investigação lusófona e ibero-americana de Ciências da Comunicação, fazendo obra de cultura, de pensamento e de conhecimento. Ao interrogarem, em português e em espanhol, os modos como nos distintos países do espaço lusófono e ibero-americano é feita a interação científica e produzido o conhecimento, as Ciências da Comunicação constroem a sua própria comunidade científica e concorrem para a afirmação internacional das Ciências Sociais e Humanas, elas que no seu todo estão convocadas a fazer comunidade e obra de conhecimento.

Húmus, 2018

×